17 de set de 2013

Nostalgia de Viagem! -1/3


Eu, que ainda não superei meu adieu para o Canadá, deixei de postar as fotos do instagram (@amandamontt) enquanto fui falando sobre a viagem. Escolhi 23 fotos (quase todas que eu tirei lá!) para falar um pouco do 'momento-experiência' de cada um e ir matando a saudade da forma que dá!


1. Quando cheguei lá, minha *primeira emoção* foi colocar o pé pra fora do aeroporto e bater o olho em um ônibus amarelo igual ao que vejo em trinta filmes de drama adolescente que costumam ser gravados nos EUA. E o e do The Sims. E os ônibus da Fisk que ficam circulando vazios por aqui só de propaganda mesmo. Filmei a primeira volta. A primeira de mil... Porque pra ser honesta, é mais legal tirar foto do que entrar nele. Principalmente no calor. Não. Recomendo. Mesmo.

2. Assim que cheguei na residência, quis me livrar do peso que é três malas cheias rápido. Carpete confortável, cama macia. Que vontade de pular e deitar e tomar um banho e tirar um cochilo e... E como uma viciada em decorar espaços sem graça, a primeira coisa que fiz foi dividir o quarto em dois com minha colega de quarto. Providenciei o mais rápido possível o modem e levei muitas relidas no manual e apelar no finalzinho por um grito de socorro. Usei um broche que peguei no aeroporto (supostamente caiu da jaqueta de uma intercambista no aeroporto de São Paulo) para ficar minha bandeira no mural de cortiça. Deixei meu notebook, um caderno, post-its e canetas à mão. Daí fui tomar banho.

3. E depois de dois anos sem olhar pra um Starbucks... Lá estava ele! E o que eu descobri tem a ver com a próxima foto. Starbucks não tem NADA demais! Quando fui lá na Europa, me apaixonei pelo cookie e por uma tortinha, mas quando fui comer de novo, nem isso. O que eu gostei mais ou menos foi um Frappuccino de baunilha que comi no último dia. Tirando isso, só Tim Hortons!

4. Esse copinho conquistou meu amor eterno. Todos os dias, para começar bem, ia no intervalo da aula comprar um L (large) de French Vanilla. O lugar é o deus do Canadá, e exclusivo de lá. Comecei experimentando um XS (extra small) e um donut. Tomei um gole. Franzi a testa. Bebi mais um pouco. Senti que meu olho estava brilhando. Comi um pedaço de donut. Se prestasse atenção, poderia sentir o desespero atual de perder todos os quilos que ganhei lá. Mas muito bem ganhos, vou admitir.

5. E logo na primeira semana, mais viagens... Com a garganta destruída graças ao ônibus de viagem que tinha o ar condicionado no 'teor shopping' pra pior. A diferença é que no shopping ele dissipa melhor. Cansada, com frio e calor ao mesmo tempo, querendo minha 'casa'. Querendo Toronto. No ônibus, deu para interagir com uma galera randômica e criar burburinhos. Vulgo 'boatos' sobre mim. E a cada parada, 'uma pizza'! Na verdade, eles vendem mais fatias de pizza do que pizzas inteiras. Achei bem melhor, na verdade. E todas elas são meio apimentadas.

6. Acredito que essa foi a primeira catarata que vi. Só sei que estava muito sol e meu óculos novo caiu como uma luva. Daí foi a caminhada. E que caminhada. Começamos andando sobre uma ponte que passava por cima da queda d'água. Era enorme e maravilhosa. Juro que poderia passar o dia inteiro ali. Fiquei observando, tirei algumas fotos, observei mais. Com muita relutância, continuei. Aí começou a descida. Muitas escadas. Devagar para não tropeçar, escorregar, derrapar, cair e quebrar as costelas. A cada ponto, parava, observava, tirava fotos, observava. Comecei a chegar em ângulos em que a luz do sol formava arco-íris. E fui chegando mais perto. Perto ao ponto de começar a me molhar. E mais perto. Perto o suficiente. O máximo que podemos. Sentei no muro que me separava da água e fiquei ali, sentindo minha roupa, meu cabelo, bolsa e tudo mais ficarem ensopados. O som era tão confortável. Poderiam ter passados dois minutos ou duas horas, que não fazia diferença. Não sei o nome dela, mas sei que foi tão bom bom (talvez mais!) quanto o Niágara.

7. Sabe quando toca o sinal da escola em um filme americano e saem ao mesmo tempo várias pessoas bonitas (e sem uniforme)? Pois imagine o que esteve ali naquele meio. Tirando o sinal e o fato de todo mundo falar a mesma língua. Rodinhas conversando nos corredores. Pessoas correndo para a fila da cafeteria mais próxima. Starbucks ou Tim Hortons, provavelmente. Já passaram quinze minutos. Volta pra sala, com o copo de cappuccino na mão. French Vanilla. Hmmm. Ryan não liga de comermos na aula. Ryan é nosso professor. É ator. Devia ser modelo. Quando na faculdade, consertava vasos sanitários. Devia ser modelo.

8. Wonderland. Quando falei sobre ela com os outros, todos pensaram (não sei com que neurônio) NA Wonderland. Baladona. Com certeza não. Não porque é melhor. O mais próximo do paraíso (pelo menos o paraíso da adrenalina). Montanhas-russas coloridas, fontes de água, flores vermelhas, barracas de lanche. Tão retrô e atual. Tão contrastante. Quando foi a última vez que passei uma hora na fila para ir no primeiro lugar de uma montanha-russa gigantesca? Talvez nunca. Provavelmente. E na fila, ouvindo os gritos alucinados da galera enquanto o carrinho passa a sei-lá-quantos-mil por hora. A tensão puramente de ansiedade. Aquele medinho bom da adrenalina. E chegando sua vez. Sentando. Apertando ainda mais o braço do carrinho. Vai que ele afrouxa no loop? Alguém começa a passar orientações. E começa a se mexer. Subindo lentamente quase que completamente na vertical. E despenca. Abre o olho. Fecha. Não! Fechar? Tá louca? Grita. Muito rápido pra gritar. O vento vai acabar varrendo minha lente longe. Fecha o olho. Não! 

O que acharam desse tipo de post? Para ver os posts da viagem, clique aqui;

7 comentários:

  1. Nossa que perfeito esse post!
    Estou amando cada detalhe <3
    Beijos,
    primeiroseusonho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Que lindo tudo!
    Amo montanhas russas e você me fez MUITA vontade com a imagem e descrição da 8 :(

    shelikesrockn-roll.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. divandoooo! e esse bus amarelo *--*
    tipico de filmes americanos, adoro kkk
    beijos da Lari <3
    www.olhacomoeufaco.com

    ResponderExcluir
  4. Acompanhei todos os seus posts sobre o intercâmbio, e amei esse que nem os outros! As fotos que você reservou ficaram bem legais, e a forma como você descreveu cada uma divou totalmente...

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
  5. OMG deve ter sido o máximo!!! eu também quero ir pro Canadá...sonho de infância *-* e de ir em uma escola que não precisa de uniformes e que tem armários...♥ esse post ficou perfeito!!!

    ResponderExcluir
  6. Se um dia eu for presidenta mando pintarem todos os ônibus igual School Bus, vote em mim
    Minha garganta ta fodida um mês porque comecei a trabalhar em shopping, imagine agr cm estou

    Novembro Inconstante

    ResponderExcluir
  7. *aaa* O Canadá deve ser lindo! Pretendo fazer intercâmbio p lá algum dia...
    -xoxo

    http://s2juuh.blogspot.com

    ResponderExcluir

© Conspirantes - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda Montt.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logoimagem-logoimagem-logo